Tags » Camões

A FOME DE CAMOES TXT

Unlike some other reproductions of classic texts (1) We have not used OCR(Optical Character Recognition), as this leads to bad quality books with introduced typos. (2 Péssimo estado das vias no Moxico prejudica escoamento dos produtos. 468 more words

TXT

Luiz De Camoes Marinheiro EPUB

Free kindle book and epub digitized and proofread by Project Gutenberg. Get this from a library! Luiz de Camões, marinheiro : estudo. Luiz de Camões, Marinheiro on Amazon. 436 more words

PARODIA AO PRIMEIRO CANTO DOS LUSIADAS DE CAMOES DOC

(Pism/UFJF-MG) Leia, com atenção, a estrofe do Canto I de Os lusíadas, transcrita abaixo para responder às questões 1 e 2. “Cessem do sábio Grego e do Troiano Paródia ao primeiro Canto dos Lusíadas de Camões por quatro estudantes de Évora em 1589, Lisboa, 1880 Esta é uma lista de exercícios bastante singular porque muitos alunos se identificarão com as músicas usadas. 439 more words

Parodia

Bach e Beatles

Gosto artístico não é gosto político. Arte é arte — arte é estética, e não política. Isso é arqui-sabido desde os tempos de Camões, quando o censor do Santo Ofício deixou bem claro que entendia que o uso dos deuses pagãos n’ 531 more words

Beatles

O que é o amor?

Quantos filósofos, poetas, pintores e tantos outros pensadores e homens cultos já não tentaram definir o amor.
Amor que Camões diria que: é ter com quem nos mata lealdade; que Florbela Espanca lhe daria o nome de: fanatismo e que Carlos Drummond lhe diria para: não deixar passar. 248 more words

Sem Categoria

ENSAYO PORTUGUÉS (PESSOA Y CAMÕES)

Ensayo portugués (2017) es un ensayo sobre la figura y dimensión de los dos grandes poetas portugueses Luís Vaz de Camões y Fernando Pessoa, las relaciones con su tiempo, el mito sebastianista, la filosofía neoplatónica y la teoría del heterónimo. 10 more words

Novedades

Uma visão sobre a Literatura

Hoje, dia 14 de junho de 2017, quase no fim do ano letivo, finalmente, decidimos refletir sobre o que fizemos ao longo deste ano de estudos literários. 185 more words