Tags » Livros - Books

A educação de Eleanor (2017), Gail Honeyman

Eleanor Oliphant tem uma vida perfeitamente normal – ou assim quer acreditar. É uma mulher algo excêntrica e pouco dotada na arte da interação social, cuja vida solitária gira à volta de trabalho, vodca, refeições pré-cozinhadas e conversas telefónicas semanais com a mãe. 800 more words

Livros * Books

Objectos Cortantes (2006), de Gillian Flynn

Recém-chegada de um internamento breve num hospital psiquiátrico, Camille Preaker tem um trabalho difícil entre mãos. O jornal onde trabalha envia-a para a cidade onde foi criada com o intuito de fazer a cobertura de um caso de homicídio de duas raparigas.   768 more words

Livros * Books

Canção Doce (2017), de Leïla Slimani

Mãe de duas crianças pequenas, Myriam decide retomar a actividade profissional num escritório de advogados, apesar das reticências do marido. Depois de um minucioso processo de selecção de uma ama, o casal escolhe Louise. 254 more words

Livros * Books

Um estranho amor (1992), Elena Ferrante

«Ferrante disse que gosta de escrever histórias “em que a escrita é clara, honesta, e em que os factos — os factos da vida normal — prendem extraordinariamente o leitor”. 843 more words

Livros * Books

Uma menina está perdida no seu século à procura do pai (2014), de Gonçalo M. Tavares

Hanna e Marius, Berlim, Século XX.

Marius encontra uma menina perdida à procura do pai. Hanna, rapariga, cabelos castanhos, olhos pretos, catorze anos. Hanna fala com dificuldades, entende mal o que lhe acontece, não percebe o raciocínio dos outros.  618 more words

Livros * Books

Pensar. Sentir. Viver. (2017), Judite Sousa e Diogo Telles Correia

Neste livro, conversam frente a frente, sem rodeios, Judite de Sousa e Diogo Telles Correia: uma jornalista experiente e incisiva, sem medo de perguntar; um psiquiatra, psicoterapeuta e professor universitário, disposto a responder. 1,488 more words

Livros * Books

"É Isto que Eu Faço - Uma vida de amor e guerra"

Sobre a Obra:

Quando, após os ataques terroristas do 11 de Setembro, convidaram Lynsey Addario para fazer reportagens no Afeganistão, ela tomou uma decisão que se repetiria muitas vezes – não ficar em casa, não levar uma vida tranquila e previsível; pelo contrário: arriscar a vida, cobrir guerras e atravessar o mundo para se tornar uma das mais importantes fotojornalistas do nosso tempo. 220 more words

Livros