O ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, afirmou “estranhar muito” a situação da UFRJ, que já teria recebido R$ 81 milhões no ano. A reitoria divulgou que “metade do orçamento anual de custeio corresponde ao pagamento de serviços terceirizados”. 645 more words